INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O SEMINÁRIO DOS QUEIJOS ARTESANAIS DE MINAS GERAIS

EVENTO ACONTECE DE 25 A 27 DE AGOSTO


Está para começar o IV Seminário dos Queijos Artesanais de Minas Gerais e a data já está marcada: dias 25, 26 e 27 de agosto de 2020 e, por conta da pandemia, será promovido em ambiente virtual. Por ser uma das mais importantes iguarias da gastronomia mineira, o queijo artesanal será com certeza o centro das atenções.

O evento vai reunir produtores, técnicos, estudantes, profissionais da gastronomia e vários outros empreendedores da cadeia que envolve a produção, comercialização e consumo do produto mais querido pelos mineiros.

Para participar do evento é preciso fazer inscrição, e você pode se inscrever CLICANDO AQUI.

O evento, que neste ano será promovido de forma virtual, é uma iniciativa do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e bastecimento (Seapa); da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg) e do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais (Sebrae-MG) e contará com palestras de especialistas no segmento. Nas abordagens estarão temas como as perspectivas para o queijo artesanal mineiro durante e pós-pandemia de Covid-19, os processos regulatórios na produção do produto, as tendências para alimentos artesanais; além de cooperativismo e o mercado.

Patrimônio

Os queijos artesanais se tornaram um símbolo tão importante na representação da tradição e da cultura de Minas Gerais, que tiveram seu modo de produção reconhecidos como patrimônio imaterial pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado de Minas Gerais (Iepha). 

Hoje, em todo estado, há pelo menos 13 regiões de queijos artesanais reconhecidas. Se forem levados em consideração os produtos feitos a partir do leite cru de cabras 
e ovelhas, assim como outros tipos produzidos em ambiente subterrâneo, com a presença de fungos e outros ingredientes, que ainda precisam de regulamentação, 
o número certamente será bem maior. 

Decreto

A Lei nº 23.157/2018, que dispõe sobre a produção e a comercialização dos queijos artesanais no estado foi regulamentada pelo governador Romeu Zema nesta quarta-feira (19/8), por meio do Decreto 48.024/2020. A medida é um divisor de águas para o setor, uma vez que contribui para tornar o ambiente de negócios mais favorável a cerca de 30 mil produtores de queijos artesanais e empreendedores rurais mineiros.

Programação completa:

25/08/2020 (Terça-feira) 

Abertura: Ana Maria Valentini (Secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Roberto Simões (presidente da Faemg), João Cruz (Diretor Técnico do Sebrae-MG) e João Carlos Leite (Presidente da Amiqueijo e Aprocan).

Painel: O novo normal

18h20 -19h10 Palestrante: Leonardo Paixão (chef) - Conceito e macrotendências de alimentos artesanais na gastronomia

19h10 - 20h Palestrante: Gustavo Vanucci (especialista em gestão de negócios e marketing) - Inteligência de mercado e insights diante a pandemia

20h - 20h50  Palestrante:  Letícia Goulart de Oliveira (professora e especialista em tecnologia de alimentos) - Queijos artesanais e tuberculose bovina: por que devemos nos preocupar.

Moderador – Sebrae-MG  

20h50 - Encerramento

26/08/2020 (Quarta-feira)

18h - 19h30 Mesa Redonda: Perspectivas para o queijo artesanal no pós-pandemia

Produtora Mariana Resende (Campo das Vertentes): Queijo artesanal como experiência turística e gastronômica nas regiões produtoras            

Maria Cândida (Diretora Anil – Portugal) – Experiência internacional: como Portugal tem se destacado no agroturismo e nos queijos artesanais durante a pandemia 

Moderador -  Faemg

Painel: Cooperativismo (Ocemg)

19h30 - 20h20 Palestra: Dr. Airton Spies – O cooperativismo como estratégia para agregar, apropriar e compartilhar valor na cadeia do leite

Moderador -  Faemg

20h20 - Encerramento  

27/08/2020 (Quinta-feira)                              

18h -19h20 Mesa Redonda: Consórcios e serviços de inspeção municipal    

Rodrigo Heitor (serviço de inspeção em Uberlândia) – Serviços de inspeção municipal em consórcios intermunicipais

Leris Braga (prefeito Santa Bárbara) - Consórcios intermunicipais nos serviços de inspeção municipal como forma de valorização dos queijos artesanais em Minas Gerais

Moderador -  Seapa

19h20 - 20h50   Mesa Redonda: Selo Arte e legislação de queijos artesanais 

Rodrigo Lopes - Coordenador de produção artesanal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Mayara Pinto – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

André Duch – Fiscal Agropecuário do Instituto Mineiro de Agropecuária

Produtor  Raimundo Nonato de Santa Rita – Serro

Moderador -  Seapa

20h50 - Encerramento do Seminário

Com informações da Assessoria de Imprensa do SEBRAE-MG

Referência:
http://www.mg.agenciasebrae.com.br/

Por João D. C. Lima
 

Comentários